Estudante de Economia na UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo). Morador do Jardim Fontalis, na zona norte de São Paulo, e primeira pessoa da família a ingressar no ensino superior.

 

O que quero hoje é compartilhar o que consegui com as pessoas e ser um exemplo para a minha comunidade, mostrando que o esforço vale a pena.

Já estou estagiando em um jornal de bairro na zona norte, que é a minha região. Lá, escrevo reportagens sobre os Conselhos Participativos, e minha vontade no futuro é trabalhar com jornalismo político.

Em 2011, quando recebi a carta com a aprovação no Projeto Ampliando Talentos para entrar no Colégio Etapa, quase não acreditei que era real. Como alguém poderia se dispor a custear o meu ensino? Foi mágico. Era uma grande oportunidade para mim, que tinha saído de uma escola de ensino fundamental classificada como a pior do Estado no Sistema de Avaliação do Rendimento Escolar do Estado de São Paulo (Saresp).

Foi tudo muito novo. No Etapa, muitas vezes, quando os professores diziam que iam fazer uma revisão, eu notava que não havia aprendido aquele assunto. Nem sabia o tanto que não sabia. Aí me dava um desespero. De uma hora para a outra, fui um aluno que tirava 10 na escola pública, para outro que tirou 2,6. Mas como não queria ir embora do Projeto, corri atrás, pois havia uma quantidade enorme de pessoas que apostavam em mim. Agora, na faculdade, tenho base para enfrentar as dificuldades.

Anúncios